sábado, 11 de junho de 2011

No mesmo time...no time contra.


Conversando com meu irmão sobre pecado...fui fazer-lhe um comentário pra tentar explicar-lhe a ideia da diferença entre luta e de fuga. Mas nem cheguei a completar. Ele é apaixonado por futebol; fez um comentário e ilustração, que achei massa na hora, e serve pra pensarmos sobre a condição de escravidão pelo pecado, escravidão a Justiça de Deus e luta contra o pecado...
e dizia:

- Demis, às vezes, nós queremos lutar contra o pecado, ao em vez de fugir dele. Nós não podemos lutar contra ele de igual, pela nossa força, pois nossa natureza é pecaminosa e quer fazer o que o pecado quer...

E ai ele fala...

- Thiza(é o apelido que ele colocou em mim quando pequeno...e até hoje fica..kkkk), é como se nossa natureza fossemos do mesmo time?!!!!

Dei aquela risadinha na hora, pois ele entendeu bem rapidinho...

Respondi:
- Sim, Demis. E nossa natureza não quer fazer Gol contra. Contudo, não obedecemos mais a esse treinador - o pecado - nossa natureza faz parte desse time, mas somos de outro...O time de Justiça de Deus, que é escravo dEle e busca obedecê-lO e joga contra o time de nossa natureza. Hoje, em cristo, podemos dizer não à escravidão do pecado.

E ele continua:
- Ahaha!! Fomos comprados e escalados pelo treinador do outro time.
- Isso. E quem é o Treinador do outro time??
- Deus. Cristo.

Achei massa isso.
Não é nada muito erudito, mas é bem 'facin' de entender o que é pecado e como devemos lutar contra ele.

Paulo manda Timóteo fugir dos desejos Maligno, José do Egito corre feito doido da tentação da mulher de Potifar. Jesus apela pras Escrituras...Quem sou eu pra ir de frente, e não fugir, daquilo que minha natureza quer.
Tratemos seriamente com o pecado, pois ele não brinca, e quer a qualquer momento causar um assassinato.

Christopher Vicente 11-06-11

Nenhum comentário:

Postar um comentário