quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Casal Perfeito. E existe isso?

Essas próximas postagens que vem por ai são fruto de duas coisas: 1° as conversas com meu amado, amigo, irmão e pai, Pr. Heliomar Dias, nossas infindas conversas sobre relacionamentos... ehehe... e a segunda foi de cenas, coisas que vieram a minha cabeça ou que ouvi no casamento do mesmo, das ministrações dos pastores. Então, Vamos lá.

Casal perfeito. Por favor, alguém me diga se isso existe? Se existe mostre-me!!
É, como pensei: Você não achou. ehehe Galera, comumente ouvisse a seguinte frase: Ah, vocês formam um casal perfeito... ou até nós mesmos somos tentados a falar: Poxa, fulano com fulana formam um casal perfeito... XD Mas a pergunta que nos faço: E isso existe?
Os românticos platonicos de plantão se levantam e dizem: CLARO QUE EXISTE...!

 Vejamos algumas razões para não existir. Antes de citar as razões quero lembrar-nos do nosso pressuposto: É um casal de cristãos, que têm o Holy Espirit em si, blza? Primeiro, todo casal de seres humanos ( :P) são compostos por dois indivíduos da raça humana (óóóóhhh ehehe), sendo da raça humana ambos tem em si a natureza pecaminosa, a inclinação natural pra se opor aos princípios bíblicos, logo, todo relacionamento é uma pessoa imperfeita se relacionando com outra pessoa imperfeita.

OPS, acho que se parássemos por ai já bastava, né??? Não existe casal perfeito, pois ambos são imperfeitos. A diferença é que o cristão busca a perfeição inclusive no seu relacionamento. Mas, nossa tendência é ser inconstante, insubmisso, egoísta, orgulhoso, incompreensível... Se não fosse o Espírito de Deus, que nos fizera escravos da Justiça de Deus, e este não tivesse preparado as boas obras para que andássemos nelas, nós nunca buscaríamos o melhor para minha parceira....

 Sendo, dois buscando a perfeição... nunca serão perfeitos, pois sempre haverá algo ainda a tratar e melhorar... Acho massa quando vejo um casal de velhinhos que se amam e ainda se namoram e perguntam-lhes: Qual o segredo pra manter tanto tempo de casamento? E dentre tantas resposta uma se destaca... Diálogo, pois nele resolvemos as imperfeições. e dialogamos até hoje, resolvendo nossas imperfeições... ehehe...

Galera...
continuo depois... o que foi que aconteceu...!!
Eu digitava o primeiro ponto... com o segundo e o terceiro na cabeça... ai..
terminei esquecendo os dois.. :P XP Onde essa memória vai me levar...???!!!!! 
vlw... Até o restante...

 Christopher Vicente 30-08-11 (continuada em 01-09-11)

Saudade, Desculpa...

Saudade, desculpa... fui grosso com você. Agora que tu bates a porta, como gato arranha a entrada da velha pedindo leite... Percebo, que fui grosso ao decretar tua vitória ao dizer o que não entendia, ao falar da nova história. Saudade, desculpa... assustei-me com a possibilidade de ter-te eternamente ao meu lado Assustei-me com a frustração de não te matar com os abraços e beijinhos e carinho sem ter fim E não poder mais acabar o esse negócio de ter a menininha longe de mim. Não dá, não dá pra te dizer tchau. fica ai - é o que quero gritar. Só me desculpa, você está a me torturar Prometi não te afortunar e incomodar Mas, fazer o que? não se apaga convicção como se apaga um borrão. Ainda mais quando não se tem o selo. Saudade, Desculpa. Christopher Vicente 01-09-11

Vitória da Saudade

Onde está, Saudade, a tua vitória?
Onde está o teu aguilhão?
A tua vitória é estar,
O teu aguilhão é a distância

Agora pergunto:
Onde está aquele
Que convicto estava
Que um dia te mataria?
Onde está aquele,
Que te fez amiga,
cuspia na tua cara e corria?
Onde está?

Enfim, conseguiste a tua vitória
Enfim, conseguiste o que queria
E nada posso fazer...
Roubaste sonhos, e pensamentos,
Afligiste sentimentos,
Manisfesta-se em abstratas lágrimas
Onde tu estavas?

Onde está,
Aquele que lutou pra te fazer perecer
Agora, humildemente te dá a vida eterna.
Agora, caminha contigo...
Revoltado? Não!
Triste? Sim!
Insatisfeito? Talvez!
Contente? Com certeza!
Pois se tu venceste,
amiga inimiga,
é porque estava Escrito que vencerias,
E submeti-me a espera
Da leitura dessa parte do Livro
que decretou:

ES A VITORIOSA: SAUDADE.

Trapaceira? Talvez!
Mas, vamos vivendo.
Não me cabe saber o que virá.
Não me cabe perguntar ao Rei.
Ousadia seria...
O que vai acontecer.
Aprendi.
Vida é presente.
Futuro, Só a Papai pertence.
E quem sou eu pra tentar saber,
ou ao que já foi feito, desfazer.
Parabéns, saudade.
Es a tua vida eterna.
Não mais te afortunarei...
Ou incomodarei com gemidos de saudade.


Christopher Vicente 31-08-11

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Vento do Sul


Vento do Sul
Trás o perfume
que me lembra o céu
Ceú azul de pós chuva,
De verão
que ressalta a realeza do sol
das 6 às 6
aquecendo os corações.

Vento do Sul
trás o perfume
Que me serve como entorpecente,
que droga a saudade
Que age como carrasco,
Que acelera o tempo,
que custa a passar

Vento do Sul
Vento do Paulo
Trás-me o cheiro
que a minha sã consciência
gosta de sentir,
que meu racional coração
gosta de apreciar

Vento do Sul
trás-me o cheiro
que me dá bom Humor
que torna feliz o dia
trazendo-me grande alegria

Vento do Sul
trás o cheiro daquela
que sento saudade
Que meu coração esperar
E caminhando vamos esperando
A esperar des-esperar
com o que esperamos
E não mais dará pra revogar

Christopher Vicente 29-08-11

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

EU, minhas contradições e Paradoxos


Eu, minhas contradições e paradoxos
O primeiro me prende,
O segundo me acusa e joga no chão
O terceiro salva-me...

Eu, minhas contradições e paradoxos
Deve ser negado, rejeitado, humildado
Disse, mas reluta em viver, sabe, mas reluta prática
Na proporção que não mereço, me é dado

Eu, minhas contradições e paradoxos
Eu, minhas contradições e paradoxos
Eu, minhas contradições e paradoxos

Eu,
inimigo miserável,
Carne necrótica,
pedra de queda,
prostituta assassina...

Contradições,
Disse, depois esquece-se.
Escrevi-se, logo em seguida erra.
ensina, logo em seguida na prova reprova-se

Paradoxos,
Triuno,
100% homem, 100% Deus,
Justificação,
Santificação,
Perdão,
Graça superabundante,
responsabildiade,
Soberania,
Santificação,
Santifica,
Já e ainda não
Passado, eternidade
Presente, eternidade,
Futuro, eternidade.

Fico nesse conflito,
Eu, minhas contradições e paradoxos
Mas não tenho dúvida,
embora minha fraca carne
ainda, muitas vezes,
duvide, e exite entender...
O paradoxo, vez após vezes,
salva-me, liberta-me, restaura-me.

Eu, minhas contradições e paradoxos
Eu, minhas contradições e paradoxos
Eu, minhas contradições e paradoxos

Christopher Vicente 26-09-11

Dê a Preferência


O relacionamento é uma via de mão dubla... ida e volta, dar-se e recebe-se, mutualismo a toda hora.

Mas nessa via há momentos em que elas(os sentidos) se cruzam, e ai aparece uma placa: Dê a preferência!! O que fazer??

Boa parte dos problemas de um relacionamento resume-se também nessa placa(dê a preferência). Esse pensamento deriva de uma cultura que permeia nossas vidas, às pessoas a nossa volta, e até mesmo a igreja com a seguinte chamada: "e alguém vai te amar tem de te amar como você é"! Ou: "Eu sou assim e assim vou ficar"!, ou ainda: "Egoismo"! - tudo se resume nessa palavra.

Dar a preferência é está apto a mudanças se necessária. Um relacionamento implica em atrito, e atrito - se for levado da maneira correta - implica em moldar-se, aperfeiçoar-se, abrir mão, negar a si mesmo, MUDAR.

Ai, você pode ser perguntar: "Então, Christopher, você tá querendo dizer que tenho de me moldar ao meu parceiro?"
Bom, se você já em casado sim, sem dúvida, ou ressalva alguma.
Se você for noivo, ou ainda estiver namorando, contudo, não tem convicção ou perspectiva de que quer algo mais sério - e refiro-me ao casamento -, então, não... não mude por alguém que você não quer nada, aliás, quer sim: só tirar sua carência e suprir sua necessidade de está com alguém...
Contudo, se você tem convicção de que quer crescer para algo sério, com a perspectiva num futuro juntos, como uma só carne, então a resposta a sua pergunta é: SIM!!!

Se você é daqueles(as) que espera(m) por alguém perfeito, um santo, santo, santo... (ou até uma quarta pessoa da trindade) sinto muito, morrerás esperando, Jesus voltará e você estará esperando...

às vezes, parece-me que colocamos uma lista de 200 itens de pré-requisitos, se a pessoa pretendente não suprir todos os itens ouve-se uma voz: "Próximo."

Galera, relacionamento implica sim, em abrir mão de certas manias, certas vontade, certos trejeitos, ou formas de falar, ou de demonstrar amor, que agradem ou desagradem minha companheira(o).

Por exemplo: Se eu sei que minha namorada não gosta que eu fique, quando saímos, prestando atenção no movimento do que nela, embora eu goste de prestar atenção no movimento das pessoas passando, eu irei abrir mão disso para agradá-la. (e vice-versa)...
Ou, um exemplo que vi ao vivo: Se minha forma de me oferecer a fazer as cosias para ela demonstra incomodo de minha parte - embora de forma algum seja - e isso incomoda ela, mude a forma de abordar... exemplo: Ao invés de: "Amor, você quer que eu faça isso pra você"?? Vá lá e faça, ou diga: Farei isso pra você...
Ou, ainda: Se minha forma de demonstrar amor não supre a forma dela receber amor, mude-a. Não use como justificativa: "Ah, não é o meu jeito..." Certo, pode até não ser o seu jeito, e ninguém o forçará a fazer, mas se queres mostrar a ela que a amar, da forma que ela entenda e sinta-se amada(seja tempo de qualidade, atos de serviço, presentes, toque físico, palavras de afirmação) vá lá e o faça, torna isso um exercícios constante e verás que após um tempo acontecerá naturalmente.

Relacionamentos implica em abnegação, mudação, conformação.
Para isso lançamos uso da ferramenta diálogo. Pois, não saberemos o que o outro gosta, quer, ouse sente melhor se não tiver mutua sinceridade, humildade, clareza, cooperação e vontade de amar e crescer no relacionamento.

Só uma ressalva: Não estou dizendo que você tem de mudar tudo: o seu jeito, sua forma de pensar....... (pois está implícito em minhas postagens o pressuposto de que ambos são cristãos, tementes ao Senhor...). Mas é importante atentarmos que exite valores negociáveis e inegociáveis. O que subjugo a mudanças são os negociáveis, que não são fundamentais e não fazem parte de meu caráter ou pessoa; princípios que não são embasados nas Escrituras. Pois, afinal, se a pessoa está com você, é porque realmente ama você e gosta de você pelo que é; seu jeito e personalidade, caráter e espiritualidade, sonhos e vontades...

Abrir mão de nós mesmo não é fácil. Aliás, pra dar mais enfase: Abrir mão de nós mesmo é MUITO difícil. a nossa tendência natura, pela nossa depravação total, pela nossa natureza é sermos egoístas, egocêntricos, umbigocêntricos. Mas se é necessário para algo do agrado de Deus, brother, vale o esforço.

Pra mim isso é um desafio ENORMEEE... Mas lutemos juntos. Vale apena.

Ninho da Saudade

Será que tá pra mandar abraço por carta??
Eu beijinho por SMS??
Saudade é como num ninho de passarinho,
que voou, deixando-o vazio e sozinho,
ao relento e frio, sem dizer quando vai voltar,
pra tornar mais felizes os dias do ninho,
pra aquecer com o calor de um sorriso,
um abraço por capricho, e o relato do dia...
Entretanto, encontrei uma outra utilidade
não tá nefasta e destruidora,
não tão abrasadora e torturadora para a saudade...
Ela aperfeiçoa...
torna a convicção mais convicta,
o desejo de se estar mais desejoso,
e a esperar mais esperançosa...
com um forte anseio de assassinato...
assassinato da saudade.

Christopher Vicente 26-08-11

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Definição de Amor...

Já estão malhadas as postagens por ai a fora sobre: "o que é amor?"
Seja por meio de poesia, dissertação, imagens, temos um vasto material, de boa ou má qualidade, obre a definição de amor.
Tentarei não ser mais um desses. Ou mesmo sendo, ehehe.. que se tire algum proveito.

Olhando um blog de uma amiga minha vi essa postagem:
"Assisti esse filme e lembrei, com essa fala, de uma conversa com uma amiga a respeito de amor, amizade etc, etc, etc.. isso resume..

Suddenly, I knew what I had to do. Love isn't about ridiculous little words. Love is about grand gestures. Love is about airplanes pulling banners over stadiums, proposals on jumbo-trons, giant words in sky writing. Love is about going that extra mile even if it hurts, letting it all hang out there. Love is about finding courage inside of you that you didn't even know was there.

(Gabe, In: little manhattan, 2005)"
(http://entreclichesechulices.blogspot.com/2011/06/assisti-esse-filme-e-lembrei-com-essa.html)

Se você é como eu que não sabe inglês, kkkkk, vamos ao Google tradutor:
"De repente, eu sabia o que tinha que fazer. O amor não é sobre ridículas poucas palavras. O amor é sobre grandes gestos. O amor é sobre aviões puxar banners em estádios, propostas sobre jumbo-Trons, palavras gigante por escrito céu. O amor é sobre ir a milha extra, mesmo que isso doa, deixar tudo lá fora. O amor é sobre encontrar a coragem dentro de você que você nem sabia que estava lá."

Muito massa essa definição. Muito boa mesmo.
E o amor é isso, mas também pequenos gestos.
É está do lado, é dar o tempo, é ir até a parada, é dar um presente, é lavra o prato, é trazer um copo d'água quando se passa mal, é fazer de tudo para o bem do outro, é se preocupar quando o outro não vai bem, e ir além, além de se preocupar, é suprir a necessidade.

Como disse o Pr. Marc (Preletor na temporada do Palavra da Vida 2011.1): Amar é Cuidar, proteger e prover...

Eu tinha um professor de Biologia que fora protestante, mas que não frequentava a igreja, mas dizia professar a fé. Ele dava palestras pelo Brasil, palestras para casais, para trabalhadores bem sucedido... (essas coisas de auto ajuda), mas teve uma aula que ele passou um slide que me chamou a atenção.

No slide havia um texto bíblico conhecido meu(mas não pela turma que tinha muitos não cristãos) era: 1 Co 13.1-8... É! é ele mesmo, o texto do amor...

Ele leu-o para nós(conferir texto: http://www.irmaos.com/bibliaonline/?)

E relacionou os adjetivos a uma ação e ficou mais ou menos assim:
Adjetivo ( o amor é...) Ação
Paciente..................................Paciência
Bondoso...................................Bondade
não inveja, vangloria, orgulho............Humildade
Não maltrata..............................Cuida(cuidado)
Não procura os próprios interesse.........Nega a si mesmo
Não se ira facilmente.....................Pacífico
não guarda rancor.........................Perdoa
Não se alegra com a injustiça, Justo,
mas se alegra com a verdade...............Verdadeiro e sincero

Fiquei admirado... :)

Amor vai além de belas palavras e poesias - são formas de manifestação dele.
"Quem me ama obedece(ação) meus mandamentos."
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu(ação) Seu filho unigênito..."
"Nisto conhecemos o que é o amor: Jesus Cristo deu(ação) a sua vida por nós, e devemos dar(ação) a nossa vida por nossos irmãos.

E por ai vai, "n" textos...

Mas, não é ação por ação, é ação com a motivação certa, pois "Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o sino que ressoa ou como o prato que retine... Ainda que eu tenha o dom de profecia e saiba todos os mistérios e todo o conhecimento, e tenha uma fé capaz de mover montanhas, se não tiver amor, nada serei. Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado se não tiver amor, nada disso me valerá."

Bem, espero que não tenha sido mais um texto... Se o foi, serve pra quem nunca viu os outros.. ;) eheheh

Pratiquemos então, galera, o verbo amar em sua essência.

Christopher Vicente

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Varrendo debaixo de sofá


Estou tentando criar um hábito: ajudar minha mãe a manter a casa organizada. Pense num habito difícil(e quem é homem, como eu, desorganizado com roupas, livros e sapatos, sabe do que estou falando eheheh). Esse habito será bom lá na frente - minha futura esposa que o diga..kkkk...

Então, hoje, quando chego da universidade olho pra sala e penso: "Vou fazer. Afinal, o que custa, mesmo estando na correria também é função minha isso". E lá fui eu, varrer a entrada dos quartos, o corredor, a sala de estar... Quando chego lá é que me vem algo interessante na mente.
A sala de estar. Geralmente onde se coloca o raque com a TV, o som, o DVD, onde se coloca tapete, centro, console,... e o sofá. A sala onde geralmente nossos convidados ficam a maior parte do tempo. Onde as pessoas vêem quando abrimos a porta. A sala de estar... sempre bem arrumada.

Então, eu ia varrendo quando a vassoura bate no sofá. Paro um segundo e penso: "Varrer em baixo do sofá???... Pra quê, ninguém vai ver!!!! kkkk..pensamento de preguiçoso, né? eheheh
Pois, é. Muitas vezes fazemos assim.
Você pergunta: Assim como Christopher??

Muitas vezes arrumamos a nossa casa(vida) e deixamos a sala de estar um brinco, pois é ali que as pessoas nos vêem, é até ali que permitimos entrar em nossa vida. É! mas não varremos embaixo do sofá.

Muitas vezes não varremos em baixo do sofá. Se algum dia varrêssemos descobriríamos as nojeiras que escondemos ou simplesmente deixamos de lado; veremos os monstro e vermes que alimentamos jogando mais sujeira pra debaixo do sofá... Na maioria das vezes, quando se pára para olhar sinceramente, assustamo-nos com o que vemos.

Somos chamado para varrer também embaixo do sofá; ir mais além do que os olhos vêem; ir nos pecados mais guardados, nos medos mais medrosos, nas angústias mais temerosas e à Luz das Escrituras, com a vassoura da Palavra da vida, que como a espada que separa a alma do espírito, a vassoura separa a poeira do que é realmente vivo: A santidade de Cristo que Deus nos dá e quer moldar em nós... Varrermos.

Tenho meditado esses dias em alguns medos e lido alguns livros. A conclusão que chego é:
Nunca serei um bom pastor, líder, filho, amigo, liderado, namorado, marido, irmão... se antes não limpar por debaixo do meu sofá. Não trabalhar no meu caráter, no meu coração e subjugá-los às Escrituras Sagradas.
Nunca terei sucesso na minha responsabilidade humana em meus relacionamentos se antes não tratar meu interior.



Sim... Cuidado para não cair num extremo. Às vezes, é necessário tirar um dia pra limpar a casa, os quartos(ai será outra postagem) e tudo mais, mas, quase sempre você terá que fazer como eu fiz: No dia a dia parar e varrer a sala, varrer por debaixo do sofá. Digo isso pra que não pense: "Ah, vou dar um tempo no meu namoro e varrer meu sofá, ai quando varrer vou voltar". Ou: "Vou pedir distanciamento da liderança até organizar isso e depois volto".
Não é isso. Não necessariamente. Mas sim, como é na caminhada cristã, devo ir caminhando e varrendo, deixando o Faxineiro Chefe fazer o trabalho.

Varrer o que está sob o sofá dá trabalho - tem de arrastar, ver, varrer, depois colocar no canto - mas é necessário.

Busquemos juntos fazer a faxina como deve ser feita.

Christopher Vicente 16-08-11

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Eu Lembro que a amo

O menininho sonhava em amar alguém. A menininha também sonhava.
O menininho conheceu a menininha. Ambos sentiram o mesmo sentimento, a mesma convicção. Passaram anos juntos namorando, se conhecendo, fortificando a amizade, o carinho, o sentimento, a convicção.

Cresceram e casaram. Oh, que dia maravilhoso. Estavam muito felizes.
Mas, um acidente acontece na noite em que voltavam da lua de mel. Eles bateram o carro. Foi um acidente muito grave, mas pela Graça de Deus nenhum dos dois morreram.

No dia seguinte os familiares ficaram sabendo. O menininho não teve um arranham, apesar da gravidade do acidente, a menininha se machucou seriamente. Tristeza. Dor. Eram sentimentos e pensamentos que passavam na cabeça de todos. Mas não do menininho. Ele ficava lá, ao lado dela. Não saia. Ficava do seu lado. Sendo apoio. Lhe questionavam, lhe diziam pra sair de lá. Ele não sabia nem se ela ia acordar - pois estava em coma. Mas ele respondia firmemente, com a mesma convicção que dizia a ela quando namoravam: "Não sei se ela vai acordar, mas quando acordar quero está aqui do lado dela, pra que em nenhum momento pense que fui embora. Que seja eu a primeira pessoa que ela vai ver."

Os dias foram passando. Todo o hospital já sabia e dizia: "Que amor é esse do menininho pela menininha"?!!! (o amor de Cristo pela Sua igreja)

Certo dia ela acorda. Ah, foi uma alegria. Alívio. Festa. Alegria. Lágrimas. Alegria.
Contudo, havia algo estranho. Com o passar dos dias perceberam que ela não tinha mais memoria recente. Sua cabeça armazenara as memórias mais antigas, porém as dos últimos anos não. E perceberam mais: ela não tinha mais memória hiper-recente. Sua memoria durava 24h e depois apagava-se.

Que tristeza. Então, quer dizer que a menininha não lembraria do seu amor?!! Não lembraria do menininho?!! É! Não lembraria.

Foi ai que os familiares pensaram: "Bom, agora ele vai largá-la e procurar outra, afinal, ela não lembra nem quem ele é..." E disseram-lhe: "Vai, filho, fica em paz. Procurar alguém pra ser feliz. Alguém que ti ame."
Ele respondia: "NÃO! Eu já sou casado. Já tenho alguém que me ama."
Lhe respondia como que falava com um doido: "Mas ela nem se quer lembra quem é você. Ela não lembra que ama você"!
E o menininho respondia com a mesma convicção(mais forte, na verdade) que dizia a menininha quando namoravam: "Mas EU LEMBRO que a AMO! Eu lembro e isso basta"!

Então, dia após dia, o menininho ia se encontrar com a menininha e tentar, dia após dia, conquistar a menininha. Ele sabia o que ela gostava, sabia como ela pensava, sabia o que ela sentia. Mas, muito mais do que isso... Ele sabia e lembrava que a amava.

Alguns dias ele saia do trabalho e correndo pra encontrar a menininho, os amigos lhe chamavam: vamos menininho, vamos sair, nos divertir um pouco?!!
Ele diz: "Não! Tenho que encontrar minha esposa. Minha amada".
Eles diziam: "Mas ela nem sabe quem você é. Nem Lembra que te ama".
Respondia o menininho: "mas EU LEMBRO que a amo".

E assim foi. Dia após dia. E literalmente o menininho tinha que reconquistar a menininha, tinha de namorar a menininha.

Christopher Vicente 12-08-11

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Ele é o mais interessado



"Deus é o mais interessados em nosso relacionamentos". Ele é o mais interessando em que eles deem frutos para a Sua Gloriosa Glória.

Em uma das minhas muitas conversas com o Pr. Helimoar Dias( Pr da igreja presbiteriana Marinas Praia Sul, a minha =D) ele disse-me essa frase.

Galera, e que verdade há nela!!!
Deus nos fez seres relacionamentais - se é que existe essa palavra..ehehehe. Precisamos de alguém para nos relacionar. Adão e Eva é prova disso. A ciência mostra isso... precisamos de outros. E nesse caso (outro, outra) - salvo quem tem o dom de celibato.

Contudo, nossos relacionamentos foram machados por uma coisas chamada: Pecado.
de forma que "pessoas imperfeitas se relacionam com pessoas imperfeitas". A tendência é sempre o desencontro, é o egocentrismo, é a imaturidade. Essa é nossa tendência natural (tendência diminuída aos cristãos verdadeiros pela atuação do Espírito Santo).

Como diz o Pr. (Heliomar): "Ninguém está preparado para um relacionamento". Como dizem Fernanda Mello e Rogério Flausino, compositores da música: o que eu também não entendo, de J. Quest: "Amar não é ter que ter sempre certeza. É aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém...".

Ter conhecimento é diferente de ter sabedoria. Sabedoria é o conhecimento na prática.
Um dos meus maiores medos num relacionamento é justamente não saber aplicar o conhecimento. Saber, escrever, falar, ensinar, aconselhar... tudo isso é muito simples. Mas e na hora? Na hora também deve ser fácil. Nós é que complicamos.


E essa verdade lembra-me disso. Lembra-me que se o relacionamento é do propósito de Deus, Ele é o mais interessado que ele dê certo, cresça, amadureça e dê frutos para a Sua Glória. Deus é o único que pode nos ajudar a fazermos o correto, a irmos contra nossas tendências naturais, a moldar e dar sabedoria para agir em acordo com as Escrituras.

"Se o Senhor não construir a casa em vão trabalha o construtor". Sl 127.1

Entreguemos nossos relacionamentos na mão de quem sabe: Papai... e façamos a nossa parte. Ai, mó véi(como diz meus amigos pernambucanos) verás o crescimento.

Christopher Vicente 11-09-11

Amar é dar a vida

Amar é dar a vida. Dar a vida também é dar o tempo. Dar o tempo diz: "Eu te amo, és importante para mim e essencial para minha vida. Por esta razão dou meu tempo a ti para que faças parte dele". Se não posso dar o tempo estando do teu lado... faço-o pelo menos guardando-a em pensamento para não esquecer, mesmo eu desmemoriado, da pessoa que muito gosto.

Christopher Vicente 11-09-11

Tempo Amigo da Saudade

Ah, o tempo... Quando próximo tão amigo, ainda que ande rápido. Quando distante inimigo, pois passa a passos de formiga. Como lhe dar com ele? Como lhe dar com a saudade? Abraçá-la, ou rejeitá-la? Se a única forma de se ter menos distante é abraçá-la, então: "Vem, Saudade, dá um abração aqui"!

Christopher Vicente 11-08-11

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Menino homem


















Perguntam ao menininho:
Quem é essa que faz do menino homem
Sorrir como menino menininho?
quem é essa que nitidamente
trás alegria ao coração do menininho?

Quem olha por seu rosto vê:
tem algo diferente
Quem olha seu rosto, ainda que de longe, percebe:
Que o coração do menininho
tá batendo mais forte
Quem viu antes vê agora
Sabe que ele tá feliz

Sorriso que vai de uma ponta a outra, dizem.
Sorriso de Dias felizes, percebe-se.

Eu mesmo testemunhei
Não um ou duas, mas várias vezes,
quem curiosos perguntou ao menininho:
quem é essa?
É como um poeta conta a história.
entusiasmado, animado, com carinho

Com alegria na fala, e nos olhos,
Se calassem-lhe a boca,
os olhos falavam...
se falasse e só olhasse diriam, o que disseram:
Teus olhos brilham quando falam dela.

O menininho fica encabulado,
Pois pra muitos é menininho homem,
Mas parece bobo quando fala da menininha

Perto da menininha,
me contava o menininho,
Ele se sente feliz,
ainda que só do lado,
Calados,
olhando pra onde o mar com o céu azulado
se misturam e seguem misturado
Ainda que só rindo,
Olhando pessoas paradas...

continuava ele a me contar:
O menininho se sente feliz,
Sente-se mais menininho
conversar, rir, brincar e chorar,
fala besteira, paisagens fotografar
comer carne, fazer surpresa
Sente-se mais homem...
Proteger, orar, ter sabedoria,
Maturidade para um dia amar,
paciência para tempo esperar...

Menininho, disse eu,
deixe de bobeira.
O menininho respondeu:
Poeta, deixe você de besteira,
Tu só escreve, eu vivo,
Sintas o que sinto,
lateje a convicção como em mim lateja
E verás que é mais que racional e natural
Esse brilhar do olhos,
sorriso atoa
Que em meus dentes ecoa.

Christopher Vicente 09-08-11

O Tempo.

A gente se deu tão bem
Que o tempo sentiu inveja
Ele ficou zangado e decidiu
Que era melhor ser mais veloz e passar rápido pra mim
Parece que até jantei
Com toda a família e sei
Que seu avô gosta de discutir
Que sua avó gosta de ouvir você dizer que vai fazer

O tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Se não for devagar
Que ao menos seja eterno assim

Espero o dia que vem
Pra ver se te vejo
E faço o tempo esperar como esperei
A eternidade se passar nos dois segundos sem você
Agora eu já nem sei
Se hoje foi anteontem
Me perdi lembrando o teu olhar
O meu futuro é esperar pelo presente de fazer

O tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Distante é devagar
Perto passa bem depressa assim
Pra mim, pra mim
Laiá, lalaiá

Se o tempo se abrir talvez
Entenda a razão de ser
De não querer sentar pra discutir
De fazer birra toda vez que peço tempo pra me ouvir

A gente se deu tão bem
Que o tempo sentiu inveja
Ele ficou zangado e decidiu
Que era melhor ser mais veloz e passar rápido pra mim
Eu que nunca discuti o amor
Não vejo como me render
Ah, será que o tempo tem tempo pra amar?
Ou só me quer tão só?
E então se tudo passa em branco eu vou pesar
A cor da minha angústia e no olhar
Saber que o tempo vai ter que esperar

E o tempo engatinhar
Do jeito que eu sempre quis
Se não for devagar
Que ao menos seja eterno assim

Móveis Coloniais de Acaju
(http://letras.terra.com.br/moveis-coloniais-de-acaju/1443792/)

Esperança

Há um tempo estava na parada e me veio tal pensamento:

Esperança é como...
Esperar um ônibus na parada. Você não sabe se ele saiu da garagem, se não bateu no caminho e não mais virá, ou mesmo de que horas passará... Mas, mesmo sem saber, sem ver, ou ter certeza, espera-se, pois no destino quer seja.

Esperança em Cristo é parecido...
contudo, temos certeza que o "ônibus"(cristo) saiu da garagem, sabemos que não falhará, e sabemos que chegará não importa a hora, e nem nos cabe saber. Ele é a garantia do destino que nos foi reservado.

Louvado seja Deus pela gloriosa esperança que nos chamou.

Christopher Vicente 09-08-11

Tempo


Já faz tanto tempo
O tempo deu tempo ao tempo
Quem diria que o tempo voltaria?
Mas avançado no tempo da intenção!

Ferramenta de Deus
O tempo afasta,
O tempo aproxima,
O tempo ensina,
O tempo amadurece,
Cria convicções,
que até um desmemoriado
nunca esquece

O tempo e o espaço
distanciam
Geratrizes da saudade
Mas também contribuem
em lapidar o desejo de do lado está

O tempo para encontrar
O tempo para reencontrar
O tempo para esperar
O tempo para descansar
O tempo para conversar
O tempo para conhecer
O tempo para orar

Vivo nessa tensão:
ora querendo apresar a hora
Ora querendo procrastinar a hora
Contudo a solução dessa tensão é simples
e se dá de forma humilde

Permita-me, oh, minha mente,
Não se aflija, oh, minha'lma
Não ande ansioso, oh, meu coração
Deixa o tempo passar
como o criador do tempo determinar
ele não é besta,
Faz no tempo certo,
e faz com certeza e firmeza.



"Relaxa o bigode"
e qualquer coisa corre
Pra entregar e livrar-se
do teu relógio
que escraviza, tortura e faz pecar
Fazendo-o nele com os olhos fitos ficar

Em prosa, poesia,
conversam, carta,
scrap ou SMS
Entrega tudo
Àquele que dará paz
A emocional mente
Ao racional coração

O tempo passou
Mas Graças ao Soberano Criador
A cada unidade de tempo
Sinto-me próximo
Daquela que o tempo afastou

Christopher Vicente 27-07-11

sábado, 6 de agosto de 2011

Fulga

Pego-me fugindo dEle. Correndo como quem não quer encarrar. Mas pra onde fugir, pra onde ir? Pra onde fugir dessa Onipresença que presente está em meu mais profundo íntimo ser!!!? Pra onde fugir dessa onisciência que sabe o "oni" do meu pensar, conhece cada entranha por mim até desconhecida!!!? Pra onde fugir dessa onipotência que tem pode pra mudar meu ser a cada segundo, poder suficiente - e muito mais - pra me fazer pó.
Amor constrangedor, sim. É a palavra ideal, correta, bíblica. Mas parece-me que, às vezes, quero dizer. Amor que me irrita, ira! ... "COMO PODE?!! COMO PODE ALGUÉM AMAR A MIM ASSIM!!? talvez, irritação e ira não sejam os sentimentos corretos. Sim, essa sim: Amor que não entendo!

Vez após vez, as mesmas crises, os mesmos buracos, ralões nos joelhos pelos mesmos pecados, tapas e morros nas pessoas amadas pelo mesmo egoísmo... Sempre a mesma resposta, sempre o mesmo amor, sempre o mesmo cuidado, mesma disciplina e repreensão.
Será que pra mim não está CLARO??? SERÁ QUE NÃO ME TOCO??!!

Às vezes, penso. Quase que certeza. Não sei ser agradecido pelo Teu amor e sacrifício. Pela Tua encarnação e pelo Teu perdão. Pela Tua graça e Justificação.

Isso me dói, me machuca. Até quando estarei sujeito a esse corpo, sujeito a está morte, a esta natureza?
Vejo-me em situações que digo que confio, mas ajo como quem cospe na cara olha nos olhos e diz: Não confio em Ti. Não confio nos Teu planos. Não sei entregá-los a Ti.
Essas lágrimas que correm... Me dão a esperança da consolação... Mt 5.4
Até quando esperarei pelo Dia em que "o poder que o capacita a colocar todas as coisas debaixo de Seu domínio,...transformará os nossos corpos humilhados, tornando-os semelhante ao Seu corpo glorioso".? Fp 3.21

Eu só não vou parar. Quero dizer como Paulo:
"...esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus." Pois sei que Ele é poderoso pra terminar a boa obra que começou.

Ajuda-me, Papai.

Christopher Vicente. 07-08-11

A discussão não desnecessária

Há uma ideia por ai de que discussão é ruim. De que discutir não leva a nada. Só machuca, destrói, nunca constrói. É do tipo da coisa: "Religião, futebol e política não se discute". (não concordo em nenhum aspecto com esse dito popular... mas isso é outra postagem).
Resumindo, parece que as pessoas acham discussão desnecessária.
Sim, antes de continuar deixe-me esclarecer: Há, sim, muitaaa, muiitta discusão desnecessária. Contudo, há uma que não o é. Há uma que se torna, muitas vezes, necessárias. Se mostra como nome de diálogo mais profundo. É a essa que me refiro.

Há uma frase minha que gosto de citar quando me perguntam sobre determinada área no relacionamento cristão. E esta é: "O relacionamento cristão não está implícito que nunca haverá discussão. Mas, quando havê-la, como se portarão o casal - ou indivíduos antes, durante e depois dela." O cristianismo não está em não discutir, mas como praticar as Escrituras numa discussão.

Ela, num maduro relacionamento, permite que: Ambos conheçam os limites um do outros; conheçam-se mais profundamente; dão-lhes oportunidade de praticar a sinceridade e a verdade; tratarem mágoas, machucados e mal-entendidos, se moldem um ao outro; saibam gostos e desgostos; o que os machuca, ofende e o que mostra amor, carinho... e por ai vai "N" bônus de uma discussão madura. Às vezes por motivos aparentemente relevantes, mas madura.

Certa vez ouvi certa ilustração que exprime bem essa ideia.
Cada incomodo, problema, coisas mal-entendidas ou mal-interpretadas são como tijolos. Se não forem resolvidas(removidos) logo, pelo diálogo, com o passar do tempo, tijolo após tijolo vão se amontoando entre o casal, de forma que depois de alguns dias, meses ou anos, o casal estará tão separado e distante, ainda que dormindo do lado.
Paremos e tiremos esses tijolos, por mais pequenos e às vezes bestas que sejam. Vale apena o esforço.
Não machuquemos um relacionamento por medo de diálogo, ou medo de discussão.

Essa é a discussão, que não é briga, não desnecessária. Dela devemos usufruir.

Christopher Vicente. 07-08-11

O sorriso


Apenas um sorriso
É o que eu quero
é um sorriso

gosto de ver sorrisos,
Mas ainda o teu.
O teu sorriso
dá cabimento ao meu
O teu sorriso inspira o meu

Já se perguntou:
O por quê de parecer
Que falo tanta besteira
Brinco, e até com estatuas
- num museu super animado eheh - faço Zuera?

A resposta não exige muita reflexão
Nem curso superior,
Nem qualquer formulas matemática...

É simplesmente o desejo de meu coração
De arrancar, roubar, pedir, confiscar
sorrisos desses teus belos sorrisos

Um sorriso, dois sorrisos,
quanto for os sorrisos.

Quando choras,
tenho prazer em ser ombro
Ser o lenço que enxuga
Contudo, prazer maior
Me é após enxugar tua lágrima
Te arrancar sorriso...

Que alegria me é ver tua alegria
Que alegria me é fazer-me de palhaço,
Menino besta - se não já o sou!! eheh -
Ridículo e ver os dentes
Pararem de brincar de esconde esconde
E aparecerem ao admirador favorito deles

E sempre após de uma fala estranha,
uma olhada sem pretensão,
ou uma piada sem graça,
Ouvir um: "Ridículo"!
"Besta"! "Você é sem graça"!
"Ahh, Tá bom"!!
com voz mansa, em meio a um sorriso...
penso comigo:
Missão cumprida.

Um sorriso
é o que quero...
Uma missão:
fazê-los aparecer.

Christopher Vicente 06-08-11